quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Cuidado com a Irapuá!

Caros abenautas,

Recentemente recebi uma visita indesejável, eram as abelhas da espécie Irapuá ( Trigona spinipes), é uma abelha social brasileira, da subfamília dos meliponíneos, de coloração negra reluzente, mede cerca de 5,0 a 6,5 mm. Não possui ferrão, nem dá picadas, quando muito se enrosca no cabelo das pessoas e isso acontece pois seu corpo está normalmente coberto por resinas de árvores como o pinus e o eucalipto.

O mel dessa abelha é às vezes tóxico e pode até matar, não se sabe ao certo o porquê da toxidade do mel da irapuá, mas essa abelha costuma pegar excremento para formar a parte externa do ninho. Seus ninhos são aéreos, de formato oval, apoiados em forquilhas de árvores ou em cupinzeiros abandonados. No ninho destaca-se a presença de uma consistente massa composta de materiais diversos, tais como: restos de casulos, abelhas mortas, excrementos e resinas.

Bem, a visita foi classificada de indesejável, porque essa espécie é agressiva, podendo atacar outras abelhas sem ferrão, fato que infelizmente já ocorreu aqui no meliponário. Elas tentam invadir a colméia em busca de alimento, e acabam brigando com as defensoras, o que ocasiona muitas mortes, inclusive a da própria colônia invadida, se essa for muito nova ou fraca.

A única solução para se livrar do incômodo, é eliminar os indivíduos que vão aparecendo, antes que possam retornar ao seu enxame e avisar a outras centenas de operárias da existência de um belo local para ser saqueado. O combate com veneno não é indicado, devido a existência das outras abelhas e também pelo fato de não matar a rainha que fica no ninho e continua produzindo novas operárias, milhares delas.

Além dos possíveis ataques a outras abelhas, elas ainda destroem botões florais de algumas plantas. Para fazer seus ninhos elas utilizam fibras de vegetais. Costuma ser um problema para os produtores de citros. Elas atacam flores e folhas novas até a casca do tronco da planta para retirar resina. Quando as plantas estão em flor o prejuízo é ainda maior, pois a irapuá faz um orifício nos botões florais prejudicando a frutificação. O crescimento das plantas também é retardado devido ao ataque destas abelhas. além dos citros atacam também bananeiras, jabuticabeiras, jaqueiras, mangueiras, pinheiro-do-paraná, entre outros.

No Estado de São Paulo, já é considerada como praga, pois há um ninho de abelhas irapuá a cada 500 metros, por isso é importante controlar a formação de ninhos nas proximidades.
A solução, adotada por muitos agricultores, é a destruição de alguns cortiços à noite, quando as abelhas não voam. A recomendação é do estudioso das abelhas brasileiras, Paulo Nogueira Neto. Ele explica que embora necessária, porque é uma grande polinizadora, a irapuá, causa muito prejuízo, porque perfura a base das flores ainda fechadas, em busca de néctar.


Enquanto eu eliminava as invasoras, as tiúbas também chegavam no local para entrar na briga!

Detalhe, essa abelha também é conhecida pelos nomes de: abelha-cahorro, abelha irapuã, arapica, arapu, arapuá, aripuá, axupé, caapuã, cabapuã, enrola-cabelo, guaxupé, irapuá, mel-de-cachorro, torce-cabelo, cupira e urapuca. Ufa!

Fonte:

http://nasasaneamento.com.br/content/view/125/82/

http://www.vivaterra.org.br/insetos.htm


Até a próxima...

Att,

Francisco Carlos Alencar
Meliponário alencar
São Luis - MA


16 Responses to “Cuidado com a Irapuá!”

Caro alencar,

Cuidado com essas meninas, por aqui costumamos destruir os ninhos dessas abelhas pois elas pilhadoras em épocas de escasses de alimento.

Fiz umas trocas com um amigo daí e recebi uns Tíubas daí, chegaram super bem e já estão trabalhando a todo vapor.

depois veja no meu blog.

Um abraço amigo,

Kalhil
www.meliponariodosertao.blogspot.com
Mossoró-RN

Meu amigo essa irapúa dá uma canseira! Quando chegam querem invadir tudo, mas como "o olho do dono que engorda o gado" temos que ficar na vigilha. Valeu pela visita, abraço!

valéria disse...

Seu blog é muito interessante Alencar... até para quem não entende de abelhas (como eu rsrs)... as informações aqui encontradas nos impulsiona a querer conhecer cada vez mais sobre o mundo destas meninas...parabéns!

fernando disse...

Olá,também não enterndo nada de abelhas,mas foi muito importante essas informações.Tenho em minha casa um bebedouro para "Beija Flôr" e um passarinho de nome "Sebinho",troco a água com açúcar todas as manhãs antes do dia nascer,isso para que a água não fermente e venha a fazer mal à saúde dos passarinhos.Recentemente recebí uma visita indesejada da tal"Irapuá"que infestaram minha casa e tive que retirar o bebedouro dos ilustres visitantes passarinhos por causa das indesejadas "Irapuá"!Será que não posso mais recolocar o bebedouro dos passarinhos???O que faço agora??? UM FORTE ABRAÇO A TODOS OS MELIPONÁRIOS E PARABÉNS PELO LINDÍSSIMO TRABALHO.

Olá Fernando! Valeu pela visita, bem quanto a irapuá, a saída é eliminar as campeiras que vão chegando, para impedir que retornem à colônia e avisem as outras da existência de um ótimo lugar para ser invadido, no caso o seu bebedouro que é uma fonte de alimento para elas ok espero ter ajudado abraço!

Francisco Carlos Alencar

Anônimo disse...

oi!no quintal da minha casa tem um pé de jaca e muitas bananeiras também.Toda vez que estamos fazendo comida ou mexendo com alguma coisa no fogão elas invadem a cozinha isto está acontecendo frequentemente.O que posso usar para destruir o ninho dessas abelhas?

Maxwendell Silva disse...

Bom dia, no telhado da minha casa tem um ninho grande dessas abelhas, meu pai ja jogou veneno e inclusive colocou fogo, mas depois de algumas semanas estao todas lá de novo. como vc me aconselha a acabar com o ninho delas , e de uma forma que elas nao voltem ?? sou leigo neste assunto de abelha.
Desde já agradeço a atenção
Max

Maxwendell Silva disse...

Bom dia, no telhado da minha casa tem um ninho grande dessas abelhas, meu pai ja jogou veneno e inclusive colocou fogo, mas depois de algumas semanas estao todas lá de novo. como vc me aconselha a acabar com o ninho delas , e de uma forma que elas nao voltem ?? sou leigo neste assunto de abelha.
Desde já agradeço a atenção
Max

Anônimo disse...

É muita gente idiota mesmo...querer 'acabar' com as abelhas como se as mesmas fosse pragas agressivas ou lhes agredisse de alguma forma.... é bom q o telhado caia nessa tua cabeça ôca...

Fernando Pereira disse...

acho bom manter o tão importnte respeito e boa educação. a arapuá é considerada sim inseto prega, devendo sua ocorrência ser to lerada de modo controlado em certas situações, assim como qualquer outro inseto.

Regis Toledo disse...

Olá,
sou produtor de maracujás orgânicos e as arapuás estão comendo as flores dos maracujás antes e depois que se abrem, dando muito prejuízo. As iscas naturais para moscas (suco de maracujá+ açúcar+água) não as estão atraindo. Alguém sabe o que fazer para controlá-las?
Obrigado,
Régis

Regis Toledo disse...

Olá,
sou produtor de maracujás orgânicos e as arapuás estão comendo as flores dos maracujás antes e depois que se abrem, dando muito prejuízo. As iscas naturais para moscas (suco de maracujá+ açúcar+água) não as estão atraindo. Alguém sabe o que fazer para controlá-las?
Obrigado,
Régis

Anônimo disse...

O anônimo do dia 20 de nov é um retardado e não conhece abelhas, sou totalmente contras destruir abelhas, mas esta raça é uma desgraça, ela mata outras abelhas e destroi plantas, tenho duas arvores aqui que elas estão cortando, reparem bem, cortando os troncos de tanto ir roendo, parecem mais ratos que abelhas. A Lei devia permitir o extermínio dessa praga.

Anônimo disse...

I've been browsing on-line more than 3 hours these days, but I by no means found any interesting article like yours. It is beautiful price sufficient for me. In my view, if all website owners and bloggers made excellent content as you did, the net will be a lot more helpful than ever before.

Visit my site ... Demo.Socialengineexpress.Com

Anônimo disse...

Thanks fог any other grеat poѕt.
Wherе else mаy ϳust anybοdy get that kіnd of info іn such a peгfect method of writing?
I've a presentation subsequent week, and I am on the search for such information.

my web page :: remedies for premature ejaculation

Anônimo disse...

Existe um produto que lançado contra as formigas cortadeiras enquanto elas estão no carreiro, contaminam as mesmas e estas por sua vez contaminam o resto do formigueiro. Eu experimentei pulverizar algumas destas abelhas enquanto elas atacavam meu pomar, e parece que deu certo, elas desapareceram um bom tempo.

 
© 2009 Meliponário Alencar. All Rights Reserved | Powered by Blogger
Design by psdvibe | Bloggerized By LawnyDesignz Distribuído por Templates